As eleições somali e as relações com o Quênia e a Etiópia

Lucas de Oliveira Ramos
A Somália está, mais uma vez, em meio à uma crise política. Os líderes da oposição dizem não reconhecer mais a autoridade do Presidente Mohamed Abdullahi Mohamed, popularmente conhecido como "Farmaajo", após seu mandato ter expirado em 8 de...

As tendências do investimento estrangeiro direto da China para o Brasil

Isabelle Carvalho Costa Pinto
Na América do Sul, o Brasil é o principal destinatário de investimentos chineses, desempenhando um papel muito relevante. De acordo com o Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC), entre 2007 e 2018, a China investiu cerca de US$ 58 bilhões no...

Biden redefine o jogo contra a China no Quad

João Paulo Nicolini Gabriel e Carlos Eduardo Carvalho
Houve importante adensamento do arranjo e de suas ambições nesta reunião e houve ganhos importantes da estratégia de Biden para enfrentar a China. O Quad avançou em seu processo de institucionalização mediante convergência de seus membros sobre tópicos diplomáticos....

Apresentação aos ingressantes no Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais San Tiago Dantas

NEAI
Dia 29 de março de 2021, das 18h-20h, o Núcleo de Estudos e Análises Internacionais- NEAI fará uma reunião para apresentação do Núcleo aos ingressantes e as ingressantes no Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais San Tiago Dantas (UNESP,...

A Carta de Biden

Tatiana Teixeira
Na semana passada, em 18 de março, em meio aos recordes diários de mortes por covid-19 no Brasil e à ausência de um plano básico, claro e coordenado de combate à pandemia em nível nacional, o governo de Jair...
África
As eleições somali e as relações com o Quênia e a Etiópia
América Latina
As tendências do investimento estrangeiro direto da China para o Brasil
Ásia
Biden redefine o jogo contra a China no Quad
Agenda
Apresentação aos ingressantes no Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais San Tiago Dantas
Política Externa Brasileira
A Carta de Biden
América Latina

Política Externa Latino-americana Comparada: em busca de molduras teóricas e rigor metodológico

Italo Beltrão Sposito

Publicações recentes sobre política externa comparada da América Latina apresentaram contribuições importantes para o desenvolvimento teórico e a sistematização de bases de dados relacionados a vários países da região. No entanto, estudos qualitativos comparativos, que melhor se enquadram nas premissas básicas da subárea de análise de política externa, ainda são raros.

Leia mais
América Latina

A política doméstica afeta a integração regional? O alargamento do Mercosul no congresso paraguaio

André Leite Araújo

O comportamento dos parlamentares a respeito do alargamento do Mercosul se deu pela posição partidária na clivagem governo-oposição e pelo modo como os partidos entendiam os modelos de política externa do Paraguai. Ainda que haja variações ao longo do tempo, podemos apontar duas estratégias de projeção. Uma que se distancia do Mercosul e busca relacionamento direto com países do Norte Global, enquanto outra percebe o Mercosul como uma plataforma de relacionamento externo, assim como oferece ganhos comerciais imediatos.

Leia mais
América Latina

El legado del Frente Amplio tras la muerte de Tabaré y el retiro de Mujica de la vida pública

Agustina Martiarena

Los dos primeros mandatos de gobierno del Frente Amplio se caracterizan por los grandes y variados avances en materia de ampliación de derechos y justicia redistributiva, sin embargo llegando al final del período además del frecuente desgaste gubernamental ocurrió una disminución en la intensidad de legislación referente estos derechos. Además,las medidas de política económica no fueron capaces de eliminar por completo la pobreza estructural, verificadas por ejemplo en la continuidad de asentamientos precarios y dificultad de acceso a la vivienda

Leia mais
África

A instabilidade na Etiópia e as implicações para o Chifre da África

Lucas de Oliveira Ramos

O bastião do Chifre está com seu alicerce enfraquecido. É provável que este seja o grande teste para a União Africana e para a Autoridade Intergovernamental para o Desenvolvimento (IGAD), bloco econômico com sede no Djibouti. Uma guerra civil na Etiópia pode desencadear uma situação ainda mais complexa para os seus vizinhos, tornar o Chifre uma região geopoliticamente essencial às grandes potências internacionais e solapar um povo que, apesar de todas as dificuldades, (r)existe.

Leia mais
América Latina, Estados Unidos

O futuro das relações México-Estados Unidos após a Era Trump

Marcela Franzoni

A vitória de Joe Biden para a presidência dos Estados Unidos coloca grandes desafios para as relações do México com os Estados Unidos. Biden prometeu reconstruir as relações dos EUA com os aliados, reincorporar-se ao Acordo de Paris, promover a segurança econômica e restaurar a credibilidade da grande potência no sistema internacional. Mesmo que essas promessas não mirem especificamente as relações com o México, é claro que a agenda mais ampla de política externa de Biden demandará uma capacidade significativa de negociação do governo mexicano em diferentes temas.

Leia mais
América Latina

Plebiscito nacional do Chile e os caminhos para uma nova Constituição

Julia de Souza Borba Gonçalves

Com uma votação histórica, o Chile dará adeus à Constituição de Pinochet e as boas-vindas a uma nova constituição escrita com paridade de gênero. Esse será o ponto final do caminho iniciado dia 25 de outubro com a vitória massiva da opção “Apruebo”. Neste texto, a pesquisadora Júlia Borba propõe elencar os principais pontos e análises para entender como os protestos iniciados em outubro de 2019 levaram à proposta de redigir uma nova constituinte e, finalmente, à vitória da opção “Apruebo”, com mais de 78% dos votos

Leia mais
América Latina

As quedas dos presidentes Vizcarra e Merino no Peru: a popularidade e o “escudo legislativo”

Italo Beltrão Sposito

Durante o intervalo de uma semana, o Peru passou por duas rupturas de mandatos presidenciais: Martín Vizcarra e Manuel Merino.Somadas as três peruanas que ocorreram dentro de um mesmo mandato presidencial (a outra foi de Pedro Pablo Kuczynski (PPK), 2018), são 26 na América Latina desde o início da terceira onda de democratização (1978), 22 apenas na América do Sul.

Leia mais
América Latina

A insegurança energética no Amapá e a fragilidade do estado brasileiro na Amazônia

André Andriw

O caos instaurado no Amapá após o colapso do sistema elétrico local, em razão da explosão de um transformador na subestação Macapá, anteriormente administrada pela multinacional espanhola Isolux, evidencia um velho problema da região: o completo descaso com a população amazônica pelo centro decisório em Brasília. A situação não é fruto do governo Bolsonaro, embora a atual gestão tenha falhado em dar uma resposta rápida e segura ao problema. O que ocorre, na verdade, é a atuação ínfima do Estado em uma região naturalmente desafiadora, em que a debilidade institucional e as infraestruturas físicas acentuam as desigualdades socioeconômicas há muitos anos. Por isso, a situação de insegurança energética no Amapá é reflexo da fragilidade do Estado brasileiro na Amazônia.

Leia mais
Podcasts, Vídeos & Podcasts

#3 Eleições presidenciais nos Estados Unidos. Por Cristina Pacheco.

NEAI

O terceiro episódio do PodCast NEAI recebe a professora de Relações Internacionais da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e pesquisadora do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU), Cristina Pacheco, para falar sobre a judicialização das eleições presidenciais dos Estados Unidos.

Leia mais
Podcasts

#2 O mundo do trabalho pós covid-19. Por Sinaida De Gregório Leão.

NEAI

O segundo episódio do PodCast NEAI recebe Sinaida De Gregório Leão, procuradora federal da Advocacia-Geral da União (AGU) e mestra em Relações Internacionais pela Universidade Federal Fluminense(UFF), para falar sobre os efeitos da covid-19 no mundo do trabalho tal como o conhecemos. O conteúdo do PodCast é parte da publicação Dossiê Covid-19 e Relações Internacionais.

Leia mais