Tag

Estados Unidos

Atores do Sistema Internacional

A Sérvia e o futuro da questão do Kosovo

A Sérvia acena para uma revisão de abordagem para a questão do Kosovo a partir de 2018. É possível que se dê início, desse modo, a um processo que pode resultar em mudanças de impacto quanto à reivindicação da soberania sérvia sobre a antiga província, bem como ao reconhecimento internacional da individualidade política do Kosovo.

Leia mais
Atores do Sistema Internacional

E se houver uma nova Guerra da Coreia?

Imaginemos que tudo corra bem. Que os Estados Unidos neutralizem a ameaça até à última bala, o que é altamente improvável. Mesmo que isso aconteça, o que restaria? Uma Coreia do Norte perdida no mundo, sem aliados, com uma das mais débeis economias do planeta. Seriam 25 milhões de pessoas formatadas desde a nascença para odiar os Estados Unidos, os mesmos Estados Unidos que estariam agora a ocupar o seu país.

Leia mais
Atores do Sistema Internacional

Trump e Congresso disputam formulação da política comercial dos EUA

Se é evidente a retórica protecionista de Trump, ainda é cedo para determinar se haverá, de fato, uma guerra tarifária ou comercial. Do ponto de vista das competências institucionais, não cabe ao presidente deliberar de forma unilateral sobre a política comercial. E as forças interessadas no tema, sobretudo as corporações, tendem a contrabalançar as agendas do Executivo.

Leia mais
Atores do Sistema Internacional

Trump e o Acordo de Paris

Grandes acordos tendem a ser imperfeitos pela multiplicidade de interesses que envolvem. Em tempos nos quais é difícil construir pactos consensuais, tanto sociais quanto internacionais, Trump desperdiçou a chance de colocar-se como líder em um dos poucos arranjos nos quais já havia vencido a capacidade conciliadora.

Leia mais
Atores do Sistema Internacional

A Rússia, os Estados Unidos e o ingresso de Montenegro na OTAN

A Rússia se mostrou desde o início contrária à integração do Montenegro à OTAN. Sua postura foi essencialmente reativa e careceu de iniciativas mais robustas para bloquear a expansão da aliança nesse caso. O fato pode ser interpretado como reflexo dos menores interesses e capacidades russas nos Bálcãs em comparação com seu entorno imediato.

Leia mais