América Latina

Bolívia: de cortina de fumaça para a crise ao golpe contra Evo Morales

Renata Peixoto de Oliveira

As eleições bolivianas de 2019 foram muito questionáveis em diversos aspectos e, regionalmente, sentiremos seus efeitos nos próximos anos, independentemente do desfecho. As dúvidas em cima do sistema de contagem, o papel do órgão máximo eleitoral em sua proximidade com a situação, a postura oportunista da oposição, levaram a Bolívia a um caos social nos últimos dias.

Leia mais